Facebook nega que curte páginas sem autorização dos usuários


Rede social leria mensagens privadas dos usuários e curtiria páginas por eles, segundo relatos

facebook notification

No mesmo dia em que comemorou a marca de 1 bilhão de usuários, o Facebook se tornou alvo de uma denúncia de que a rede social curtia páginas para os usuários sem a autorização deles.

De acordo com o SlashGear, o Facebook estaria rastreando mensagens pessoais dos usuários e procurando links para fan pages. Ao encontrar esses links, a rede social supostamente curtiria as páginas sem permissão dos usuários.

No entanto, a rede social negou a informação ao Mashable. Um representante do Facebook disse ao site que “nenhuma informação pessoal foi exposta” e que “cada vez que uma pessoa compartilha um endereço no Facebook, mesmo em mensagens, o número de compartilhamentos mostrados no plugin desse site aumenta”, continuou. “Essa contagem não afeta as configurações de privacidade de conteúdo”, finalizou.

Rastrear as conversas de usuários em serviços de mensagens não é novidade. O próprio Google faz isso no Gmail – ao observar o conteúdo discutido em emails, a empresa consegue direcionar anúncios que possam atrair mais o interesse do usuário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s