Egito vai tirar YouTube do ar por causa de vídeo anti-Islã


Produção ‘Inocência dos Muçulmanos’ foi liberada recentemente no Brasil

Inocência dos Muçulmanos

Se no Brasil a Justiça decidiu manter o vídeo “Inocência dos Muçulmanos” no ar (saiba mais), no Egito a história foi diferente.

Uma corte do país ordenou a suspensão do YouTube por um mês, no sábado, 9, porque o site de vídeos doGoogle hospedou o filme – que, de acordo com a Justiça local, insulta o profeta Maomé.

O vídeo, de 13 minutos, seria apenas o trailer de um filme maior que retrata o profeta como um sujeito comum com desvios sexuais e, em setembro passado, teria causado uma série de revoltas em países árabes.

De acordo com a Reuters, a autoridade de telecomunicações do Egito informou que vai cumprir a decisão assim que receber uma cópia do veredicto, enquanto o Google disse não ter recebido nenhum aviso formal sobre o caso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s