Cortes de impostos para smartphones já estão valendo


Entre as obrigações dos fabricantes, está a inclusão de um pacote de aplicativos nacionais.

Cortes de impostos para smartphones já estão valendo (Fonte da imagem: iStock)

Começa a valer hoje a medida que vai cortar os impostos cobrados em smartphones de até R$ 1.500. A medida, anunciada na semana passada, acaba com a cobrança de PIS e Cofins sobre os aparelhos, além de definir uma série de critérios técnicos para que os dispositivos possam fazer parte da lei.

Entre as obrigatoriedades estão:

  • Fabricação no Brasil;
  • Uso de um sistema operacional que possibilite a criação de aplicativos por terceiros;
  • Tela com tamanho maior do que 18 cm²;
  • Acesso à internet por meio de 3G, 4G e WiFi;
  • Display sensível ao toque e/ou teclado padrão QWERTY;
  • Pacote de aplicativos produzidos por empresas ou desenvolvedores brasileiros;
  • Softwares de navegação e email pré-instalados.

Presente mais barato

A expectativa do governo é que a medida reduza em cerca de 30% o preço dos aparelhos. O desconto será feito no ato da compra, pelo lojista, e representa uma redução de cerca de R$ 500 milhões por ano em arrecadações de impostos pelo governo. Os novos valores já devem estar em vigor para a temporada de compras de Dia das Mães.

Para fazer parte da desoneração, as fabricantes de aparelhos deverão enviar planos de produção ao DEICT, o Departamento de Indústria, Ciência e Tecnologia. As propostas são avaliadas em cerca de 30 dias e celulares da Samsung, Nokia, Apple e Motorola estão entre os candidatos à queda de preço.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s